Postagens

Mostrando postagens de Julho 16, 2017

Pr. Augustus Nicodemus afirma que suicídio é pecado, mas “não separa da graça”

Imagem
Em um vídeo divulgado na Conferência Fiel para Jovens, o pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, Augustus Nicodemus, tratou de um tema delicado na história da humanidade, envolvido por tabus: O suicídio. Questionado por alguém, Nicodemus respondeu. “Eu acho que todos nós temos que concordar que o suicídio nunca deveria ser a saída. É um dos pecados proibidos no mandamento ‘Não matarás’”, introduziu. “Interpretado pela comissão de fé de Westminster, ele diz que esse pecado não só proíbe que a gente tire a vida dos outros, mas que tire a nossa própria. Então, o suicídio é pecado”, disse Augustus. Em seguida, o líder iniciou sua argumentação. “Todavia ele não é um pecado sem perdão. O único pecado sem perdão, que tem na Bíblia é a blasfêmia contra o Espírito Santo. E provavelmente esse pecado não é cometido por alguém que é crente”. “Então pode acontecer com todos esses fatores, como pressões externas, problemas psicológicos, problemas existenciais que um crente

Subsídio para EBD - O Senhor e Salvador Jesus Cristo

Imagem
Na lição de hoje estudaremos a respeito da identidade do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Inicialmente destacaremos sua natureza, ressaltando Sua deidade, senhorio, pré-existência e humanidade. Em seguida, abordaremos os ofícios de Cristo, a partir do Antigo Testamento, como Profeta, Sacerdote e Rei. E ao final, a obra que o Senhor Jesus realizou, em Sua morte, ressurreição e ascensão. 1. A NATUREZA DE CRISTO Deidade – Ele é o Filho de Deus em sentido único, a) Ele tinha consciência de sua deidade (Mt. 3.17; 4.3; 16.15-17; 26.63-65); b) fez reivindicações a respeito (Jo. 16.28; 20.21; Mt. 11.27; Jo. 17.25; 14.9-11; Mt. 18.20; Mc. 2.5-10; Jo. 6.39,40, 54; 11.25; 10.17,18; Jo. 5.22; Mt. 25.31-46); c) demonstrou autoridade divina nos seus ensinamentos (Mt. 7.24); d) impecabilidade de sua alma (Jo. 8.46); e) testemunho dos discípulos (Mt. 28.19; Jo. 1.1-3; 20.28; At. 2.33,36; 4.125.31; 10.42; Tt. 2.3; Cl. 2.9; 1.17; II Co. 13.14). Pre-existência – Ele é o Logos, a Palavra,